domingo, 28 de setembro de 2014

Sincronicidade



Não estamos sós.
Estamos conectados com todos e com tudo que há na natureza.
Nossas vidas estão interligadas, portanto, fazemos parte de um todo.
Cada pensamento, cada emoção altera a realidade na qual estamos inseridos.
Sempre que pensamos em alguém ou alguém pensa em nós, ocorre uma ligação energética.
Por isso que devemos estar presentes e atentos para que esta comunicação seja proveitosa e resulte em um bem maior para todos os envolvidos.
Anote cada emoção, cada pensamento. Peça ajuda aos Seres Superiores para que seus passos sejam firmes e seu caminho seja seguro.
Peça ajuda e acredite que a ajuda sempre vem. Mas é preciso estar atento, conectado com o momento presente para sentir e compreender as mensagens que são direcionadas para a solução das questões que levantamos. 

Bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e viver com ousadia. Pois o triunfo pertence a quem se atreve e a vida é muito bela para ser insignificante.
(Charlie Chaplin)

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Manifestation Journal

Fique bem, pois tudo está concorrendo para um bem maior.
Hoje estava refletindo de como a vida é bela.
E de como tenho que agradecer.
Todos os dias é possível viver uma aventura nova.
Ontem o pneu da minha bike furou no caminho de ida para o colégio.
Terminei o percurso empurrando a bike até a bicicletaria, que fica perto do colégio.
Deixei a bike lá, fui dar minha aula, que foi divertidíssima.
Eu e as crianças aproveitamos muitoooooooooo.
Terminei a aula, fui correndo pegar a bike, mas ela não estava pronta.
Peguei o ônibus, voltei para casa.
Hoje cedo peguei carona com o meu marido. 
Fiz uma volta no centro e depois fui caminhando buscar a minha bike.
Foi quando percebi o privilégio de estar ali caminhando.
Observando as pessoas, todas tão singulares, todas tão especiais :)
Vi até um senhor tentando salvar um passarinho que ficou preso acidentalmente em uma luminária.
E um menininho fazendo muita torcida para que o passarinho fosse salvo.
Tudo tão simples, mas tão poderoso.
Tão cheio de dádiva.
Assim conclui que a vida de fato está aqui somente para sermos felizes.
Mas, percebi em mim mesmo, falta-me ser mais grata.
Falta-me focar na abundância que a vida sempre me oferece.
Depois do almoço eu estava louca para sair e achar um canto para escrever estas minhas reflexões.
Então minha filha veio me visitar e ela ia até ao centro.
Rapidamente convidei-me para ir junto.
Foi um passeio ciclístico sem igual.
E fomos à livraria.
Oh, quanta magia há dentro de uma livraria :)
Conheci, quando cheguei, o Ruam.
Ruam é um cara incrível, segurança do Shopping.
Ele ajudou-me a prender a bike.
E contou-me sobre sua viagem de moto com sua mãe até Curitiba :)
Adorei, foi uma forma de alegrar a sua mãe, que estava meio tristinha :)
E ele achou minha filha
uma heroína, por ter ido pedalando até Curitiba :)
Na livraria conheci a Emanuela, a vendedora devoradora de livros.
Um encanto de ser :)
Conheci outra vendedora tão atenciosa quanto a Emanuela;
Infelizmente não soube o nome dela, ainda :)
E na saída, conheci uma ciclista super charmosa.
A Neusa, que recém chegou da Itália.
Enfim, foi um dia muito especial, um dia de gratidão.
Que bom que estou aprendendo a agradecer :)
Agora conte-me suas aventuras.
Com amor,
Elisa Lima
Florianópolis, 26 de setembro de 2014

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Vamos ser fênix?

Quando leio um livro, sinto-me como se estivesse conversando com o autor. 
Então, muitas vezes irei referenciar como se eu tivesse ouvido o que estiver relatando.
Também gostaria que todos interagissem comigo, seja concordando, seja expondo sua opinião, seja me desafiando, enfim, que juntos possamos crescer dentro desta vivência que o Livro Despertando sua Energia (Marcia Kenusar) nos proporciona.


Então, vamos papear?



A Lenda

A Márcia narra uma belíssima lenda.
E ao entrar em contato com a lenda sinto despertar dentro de mim a necessidade 
de trabalhar as lendas que existem em meu coração.
Pergunto-me: "mas afinal, o que é a lenda?"
Minha criança interior responde:
- Lenda, dona Elisa, é a verdade disfarçada em contos de fadas.

Fico refletindo o que a minha criança disse. Acolho com amor aquelas palavras. Tenho vontade de questionar um pouco mais. Nisto escuto a gargalhada tão gostosa da minha menininha. Fico contaminada com a alegria dela e ouso rever as minhas lendas.
Porém fico confusa, pois muitas lendas saltam de meu coração. Eu não tinha a menor noção de como é grande o meu repertório de lendas. São tantas, mas tantas que nem sei ordenar, entretanto, tento.

A primeira lenda:

Sempre será o meu pai. Porque é a maior lenda que conheço.
Um fênix. 
O meu pai é um fênix disfarçado de pai. 
Sim, talvez seja meio difícil de entender,
mas com o tempo, a gente partilhando nossas impressões,

você, caro amigo leitor, há de entender a minha maior lenda.

Todas as vezes que meu pai entrava em uma grande dificuldade, após um período de sofrimento, eis que ele ressurgia, forte e poderoso. Minha criança o enxergava renascendo, literalmente, das cinzas. Eis que é a pura verdade.
Hoje vejo que o sofrimento nem era necessário, talvez até sim, para que eu soubesse que sempre podemos ressurgir. Sempre poderemos tentar novamente.
Deixo um desafio:
Vamos ser fênix?

domingo, 29 de junho de 2014

Tarja Branca, a revolução que faltava.

 Tarja Branca, a revolução que faltava. 

Trata-se de um filme que mostra a importância da brincadeira na vida da criança. 
Vale à pena assistir. 
Veja o trailer:


sexta-feira, 30 de maio de 2014

"A criatividade é uma conquista."


37
*Como no encontro entre o carteiro e o poeta Neruda no filme homônimo (1994), 
dirigido por Michael Radford, quando o carteiro Troisi ouve, encantado, uma poesia dedicada ao mar e diz a Neruda que parecia ser 
“Como um barco açoitado pelas palavras”. 
O poeta olha-o surpreso e lhe diz: 
“Mas você sabe o que você fez? Fez uma metáfora”, 
O carteiro fica constrangido e justifica-se dizendo: 
“Não vale porque não queria fazer.” 
Neruda responde: 
“Querer não é importante porque as imagens nascem casuais.”
E Troisi:
 “Então, o mundo inteiro, o mar, com o céu, com a chuva, as nuvens...também podem ser consideradas metáforas de alguma coisa”, da existência, talvez.
O poeta reflete um momento e depois diz:
 “Vou pensar nisso. Amanhã eu respondo essa pergunta”.
Também diante dos pensamentos e das metáforas visuais das crianças não é bom responder logo. 
É preciso pensar. 


Universidade de Florença, Secretário Nacional dos CEMEA italianos (Centros de Exercitação
dos Métodos da Educação Ativa), Itália. gstaccioli@unifi.it
Tradução: Regina Célia da Silva. Revisão técnica: Marcia Gobbi
Pro-Posições, Campinas, v. 22, n. 2 (65), p. 21-37, maio/ago. 2011
 

quinta-feira, 8 de maio de 2014

MOTIVAÇÃO EDUCACIONAL

   
     O Projeto Motivação Educacional visa contribuir com o despertar do entusiasmo pelos estudos por meio de:
 
·         Orientação para a execução das tarefas do estudante;
·         Promoção e incentivo à aprendizagem, que é baseada na liderança pessoal;
·         Desenvolvimento do pensamento reflexivo;
·         Incentivo para encontrar soluções criativas e desafiadoras para as dificuldades acadêmicas;
·         Estímulo e orientação para que o educando identifique os meios e as formas que o ajude a ter disciplina e energia para aplicar e desenvolver técnicas próprias de estudos;
·         Promoção de vivências que desenvolve e amplia a liderança e favorece o desenvolvimento do trabalho em grupo.

·         Valores que incentiva a partilha de ideias e do bom convívio com todos. 
“A liberdade de aprender representa o aprender sem sentir. Não deixe que a ideia de aprender fique ligada a um esforço.”             Al Stevens